segunda-feira, 30 de agosto de 2010

DIREITOS CIVIS LGBT - ANÁLISE HISTÓRICA E DE CONJUNTURA NO BRASIL


José Genoino é um deputado comprometido com as causas que exigem coragem e forte posição política. Causas polêmicas ou de grande complexidade técnica.
Defensor primeiro da questão do aborto, desde a Constituinte de 1988. Também, um dos principais pensadores e atores políticos nas questões da segurança nacional, direitos humanos, das questões do Estado e constitucionais, tais como a Reforma Política, além de outras tantas.
Seu perfil e sua atuação remontam aos militantes de esquerda extremamente disciplinados e prontos para o enfrentamento de questões que não geram unanimidades imediatas, mas exigem o esforço e combate político contínuo e firme.
Assim é José Genoino.

Acerca do papel do parlamentar em sua concepção, José Genoino aponta:

"Como eu havia dito, nunca fui um deputado só de projetos, nem só de apresentar leis. Fui sempre um deputado de idéias. Aprovei pouquíssimos projetos na Câmara. Mas eu interferia, negociava, participava, dava idéias, emendava, esse tipo de coisa. Um bom parlamentar não precisa der um mecânico de Leis, nem o Congresso uma oficina de leis. O que é necessário é exatamente o oposto, que se diminua o grau de regulamentação da sociedade. A sociedade precisa ser mais autônoma, madura, livre para estabelecer a autoregulamentação de seus valores.
O bom parlamentar deve ter sempre uma posição de vanguarda, e não apenas se referenciar pela opinião pública, porque esta é muitas vezes reacionária. Muitas das coisas que eu defendi geraram conflitos com a opinião pública, como a legalização do aborto, as questões religiosas, união civil entre homossexuais, os temas de segurança pública, forças armadas, etc" (PARANÁ, Denise. Entre o sonho e o Poder, p. 151).

Não é por acaso que ele é o principal político brasileiro empenhado, entre tantas causas com a questão dos direitos civis LGBTs. No endereço abaixo Genoino explica toda a trajetória dos dos projetos e lei LGBT e o avanço da militância, numa análise de conjuntura que é imperdível para quem se interessa pelo tema. Vejam o vídeo a seguir:



Nenhum comentário:

Postar um comentário